Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Adivinha!

Adivinha sobre o que vou falar hoje? Um sitio onde posso falar de tudo o que me apetece...

Adivinha sobre o que vou falar hoje? Um sitio onde posso falar de tudo o que me apetece...

Adivinha!

27
Jan21

E pronto, já cá estão os 39....


Milheiras

Resultado de imagem para esperança

Aos 40 teria o Doutoramento, 3 filhos, emprego estável.

Aos tinha 38:

Tenho um mestrado (em banho maria à 5 anos)

Um MBA (completo)

2 filhos ( + 1 vazio no coração)

Sem emprego

 

Aos 39:

Tenho um mestrado (em banho maria à 5 anos)

Um MBA (completo)

2 filhos ( + 1 vazio no coração)

Um contrato na função pública por tempo indeterminado como Assistente Operacional

Uma pós-graduação (em curso)

 

Aos 40 terei ????

23
Jan21

39 invernos....


Milheiras

Imagens Number 39 | Vetores, fotos de arquivo e PSD grátis

Bem completei 39 Invernos, porque eu nasci no inverno, e ainda não chegámos à Primavera.

39 Invernos, em tempos estranhos, com a família separada, com o coração partido, mas vivos e com saúde!

E não isto não é um cliché, é mesmo o que sinto...

Nunca a morte esteve tão presente nas nossas vidas...

No entanto as pessoas insistem em fazer uma vida normal.

Existe um pacto de silêncio. Quase todas as casas têm doentes, mas ninguém fala, nem diz...

Uns insistem em manter a vida normal.

Outros são obrigados a trabalhar, quando só queriam poder estar fechados em casa com a familia até tudo isto passar...

Andamos quase há um ano nisto, e nunca foi tão horroroso como agora...

Estamos a chegar ao colapso...

E as pessoas tentam manter uma normalidade aparente, que não existe...

39 invernos, com muitos medos, muitas dúvidas, mas muitas esperanças....

 

 

 

17
Out20

Parece que estamos na 2ª vaga


Milheiras

Sonhar com formiga - Principais interpretações e significado deste sonho

Eu continuo a ver-nos como formigas obstinadas que tentam seguir o mesmo caminho.

Temos de nos reinventar, como? Não sei essa é a pergunta de 1Milhão.

Se calhar a escola neste momento devia ser um misto (aulas presenciais e online) as relações são importantes, mas se fosse um misto talvez fosse mais fácil de controlar os distanciamentos e os riscos.

Ter os médicos e os enfermeiros de família a funcionar como tal, dando pelo menos assistência telefónica...

Precisamos do turismo, mas temos de nos reinventar, temos de oferecer outro tipo de serviços, temos de mudar os pensamentos, os meios e agarrar as oportunidades, temos de pensar em alternativas.

Mas tudo isto se torna ainda mais complicado, porque não ensinamos a muitas gerações o que era o sentido de responsabilidade e algo muito importante, pensar por si próprio. Assim temos de criar obrigatoriedades... E a máscara é o que nos protege, então quando há aglomerados não deviamos ser nós os primeiros a coloca-la sem haver necessidade de obrigatoridades?

 

24
Set20

Para onde vamos???


Milheiras

Hoje alguém num programa de TV, dizia que existem más pessoas, porque dá muito trabalho ser boa pessoa.

Estamos cansados de pensar, ou dará muito trabalho?

Saberemos o que queremos, ou só queremos aquilo que não nos faz pensar?

Porque não oferecem novidade? Porquê mais do mesmo???

Num formato mais luxuoso...

De luxuoso, pareceu muito pouco, cenário pobre a fazer lembrar os anos 90 e 80, em que tudo era assim futurista, sem novidades...

Guerra de audiências??? Que sentido faz??? Ofereçam variedade, atrevam-se...

 

11
Set20

A cultura empobreceu...


Milheiras

Sempre que parte alguém, que tem um papel activo na cultura, a cultura empobrece.

Mas este 2020 tem sido devastador, principalmente na literatura...

Lamento profundamente, a morte de todos, mas o José Ceitil foi dos que mais me marcou, desconhecido para muitos, mas um ser Humano incrivel...

Que nos deixou várias obras: "Clube de Futebol "Os Belenenses"; A Família; Dona Berta de Bissau

 

mas "Sejam Felizes!" foi uma obra que me emocionou... E fez-me sentir que não sou a única a divagar sobre vários assuntos.

 

Até sempre, José Ceitil!

 

Wook.pt - Sejam Felizes!

29
Ago20

Mais uma partida de uma alma gentil...


Milheiras

Ontem partiu mais alguém... Alguém delicado, com quem privei em criança, alguém que também foi minha catequista, voz suave, uma delicadeza, mas ao mesmo tempo uma força...Uma mulher de armas, no seu renaut 5 creme e mais tarde no seu twingo. Formaram um casal fantastico, recatado mas que tocaram em muitas vidas, a minha foi uma delas, não sei se algum deles soube... Quem se lembrará deles?? Será que eles sentiram que tinham tocado em tantas vidas?? Espero que sim...Quando me lembro deles é com um sorriso... Oxalá não fiquem esquecidos...

26
Ago20

Manter uma vida +/- normal


Milheiras

Tantas são as dúvidas que nos assaltam, nestes tempos estranhos...

Não deviamos todos, estar a tentar mudar de vida?

 A finalmente perceber que o interessa não é o ter, mas sim o ser?

O virus não nos veio dar essa oportunidade???

Mas parece que continua tudo na mesma... o que falta acontecer mais para abrirmos os olhos?

Os casos continuam a aumentar por todo o mundo, mas nós estamos a tentar voltar à normalidade...

Qual normalidade? De ir ao supermercado de máscara???

20
Ago20

O circulo da vida...


Milheiras

Toda a minha vida tenho ouvido dizer que a vida é como um circulo, que tudo se repete. Talvez seja mesmo assim, será que é agora que a vida me vai dar uma oportunidade? Quando tomei algumas decisões na casa dos 20, só via solução para o problema da altura nunca pensei que fosse influenciar a minha vida futura... Hoje vivo com as consequências, tento não pensar muito sobre o assunto para não me culpabilizar. Agora a caminhar a passos largos para os 40 penso, muitas vezes nos sonhos que tinha e que não alcancei... Só tive um sonho que superou as expectativas os meus filhos...

É  degastante, mas adoro ser mãe a tempo inteiro, e eu sou daquelas mães que deixa tudo para brincar com os filhos, ler, contar umas piadas, ver um filme, jogar um jogo...

Quero que sintam que estou aqui para eles...

02
Ago20

Dia 215


Milheiras

Hoje é o dia 215º do ano de 2020.

Em 8 meses temos a sensação que passaram 8 anos.

Tem sido um ano duro e confuso, que nos tem posto a pensar...

Bem, para dizer a verdade, a alguns não.

Nós seres humanos, que chamamos aos outros animais de espúpidos...

Quando observamos um formigueiro, podemos ver que vão tão obstinadas que contornam todos os obstáculos que lhe surjam, para chegar ao buraquinho, mesmo que o buraquinho esteja cheio de cola, de pó ou outra subtância qualquer, apesar de isso lhe trazer a morte, não interessa...

Sinto que nós estamos a ser essas formigas, obstinadas por manter uma vida igual à que tinhamos antes da pandemia, sem quereremos ver que nada poderá ser igual...

Agoara estva na altura de corrigir e respensar tudo o que nos rodeia...Mas não, insistimos em recosntruir tudo tal como estava...

O que será que é preciso que apareça mais , para vermos as coisas com outros olhos?

31
Jul20

A novela da minha vida


Milheiras

Ás vezes parece que consigo sair da minha vida e assistir como espectadora  da minha própria vida.

Sim, é confuso, mas é real...

Parece que às vezes consigo ver a coisas com uma clareza impressionante, mas não consigo intervir. 

É assustador...

 

Mais sobre mim

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2003
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub