Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Adivinha!

Adivinha sobre o que vou falar hoje? Um sitio onde posso falar de tudo o que me apetece...

Adivinha sobre o que vou falar hoje? Um sitio onde posso falar de tudo o que me apetece...

Adivinha!

18
Jan17

Cenas de um filme...


Milheiras

Tanto criticava as pessoas que viam novelas, que acabei por ser uma delas. Mas hoje não quero falar disso. Mas sim do que nos aconteceu digno de um filme, certamente. Estava eu a ver a novela e aproveitando o quentinho da lareira, quando o meu marido ouviu e alarme do carro e saiu disparado deixando a porta de casa aberta. Como ele demorou pensei que tivessem tentado assaltar o carro e ia mesmo a sair de casa quando ele ia a entrar e disse : " pegaram fogo ao carro" , mas está frase foi tão surreal que eu ouvi roubaram o carro, e pronto respondi: tens de ligar para a guarda. E ele, respondeu que sim, mas então eu que ligasse para os bombeiros. Então a ficha caiu, o carro está a arder. As lágrimas vieram - me aos olhos quando disse aos vizinhos, mas consegui manter o mínimo de serenidade. Agora a poucos dias de fazer 35 anos, eu tenho medo de pensar até onde pode descer mais a nossa vida, sem trabalho à quase 2 anos, a vivermos uma vida apertada a sobrar mais mês do que orçamento mensal, cereja no topo do bolo, ficar sem carro. E agora? Claro que a notícia de ontem perde todo o impacto ou talvez não, com um atraso desde Novembro, estava que pelo menos tivesse direito a uma coisa pelo menos uma notícia boa, a de ir ser mãe, fiz o teste ontem e deu negativo. É loucura falar disto depois de tudo o que aconteceu? Talvez... Mas escrevo aquilo que sinto! Porque que fizeram aquilo ao carro? Não faço ideia, provavelmente o carro estava no sítio errado à hora errada.

Mais sobre mim

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2003
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub